SPYRO NO MUNDO DE CRASH BANDICOOT?! SPYRO ORANGE : THE CORTEX CONSPIRACY

29/04/2018

 

Spyro Orange: The Cortex Conspiracy e Crash Bandicoot Purple: Ripto’s Rampage são dois jogos de plataformas publicados pela Vivendi Universal Games e desenvolvidos pela Vicarious Visions para o Game Boy Advance.

Os games foram lançados na América do Norte, na Europa e no Japão em 2004. Na Europa foram lançados como Spyro Fusion e Crash Bandicoot Fusion. São dois jogos crossovers onde o Crash Bandicoot participa do jogo do Spyro the Dragon e vice versa. O game é a oitava edição da série de videogames Spyro e a décima parte da série Crash Bandicoot. Este crossover é definido após os eventos de seus jogos para Game Boy Advance. Dito tudo isso nesta análise, vou me focar no jogo do Spyro Orange: The Cortex Conspiracy.

 

GAMEPLAY

Spyro Orange e seu jogo duplo Crash Bandicoot Purple são os primeiros jogos de GBA desenvolvidos no ocidente a adotar o cenário de “duas versões da mesma aventura” que os Pokemons RPGs inspiraram. Mas a diferença aqui é que ambos os jogos desta série são aventuras vastamente únicas, cada um tendo seu próprio estilo de jogo em um tema similar.

No jogo Spyro Orange, a Vicarious Visions transformou o personagem que sempre foi feito em 3D em um personagem 2D como Crash Bandicoot sempre foi. Deve ter sido difícil transportar o mundo 3D de Spyro para 2D, mas a Vicarious Visions deu conta do recado, apesar de resultado final ter ficado meio estranho. Os movimentos de Spyro ficaram muito bons para a estreia desse estilo de jogo. Neste game surge Blink, um novo personagem que entra no mundo de Spyro. Ele é uma toupeira e vai dar dicas importantes ao dragão durante a aventura. Também aparecem Bianca, Hunter, Sgt. Byrd, Moneybags e os personagens do mundo de Crash Bandicoot. Quem tem o Cable Link do GBA poderá trocar “cards” que são ganhos durante a aventura com seus amigos. Troque e colecione eles para conseguir concluir o jogo mais rápido possível. Essa é outra das novidades que a Vicarious Visions nos traz nas novas aventuras de Spyro e Crash Bandicoot.

   

Ambos os jogos (Crash Purple e Spyro Orange) têm um visual parecido, música similar e geralmente contam a mesma história. Se você jogar Spyro Orange, as cenas de diálogo apresentada no final de cada mundo serão mostradas pelo ponto de vista do Spyro. Se você jogar Crash Purple, as cenas de diálogo ocorrerão a partir do ponto de vista de Crash. O elenco de personagens foi embaralhado para que os amigos de Spyro apareçam no jogo de Crash
e os amigos de Crash apareçam no jogo de Spyro, mas o seus comentários são limitados a dicas sobre o nível atual e não têm qualquer influência sobre a história geral.

Você poderá encontrar cartas de bônus escondidas atrás de arbustos, caixotes que levam a tesouros escondidos no game do Crash e bordas secretas que só podem ser alcançadas com um salto de fé usando a habilidade de voar do Spyro em seu jogo. Os cenários em Spyro Orange não têm tanta coisa acontecendo quanto os ambientes em Crash Purple, provavelmente porque os desenvolvedores queriam limitar o quão ocupados os cenários eram para que os novatos não se confundissem. Seja qual for o motivo, no jogo de Spyro há menos inimigos, obstáculos e criaturas (como ratos e borboletas), o que faz com que Spyro Orange pareça ter sido jogado às pressas em comparação com Crash Purple, embora ambos os jogos compartilhem a mesma aparência gráfica.

 

MINI GAMES

Os mini games de Spyro Orange são legais, mas eles não são nem de perto tão interessantes quanto os de Crash Purple. O melhor dos mini games é um shooter side-scrolling que coloca Spyro dentro de um robô que anda. Esse robô pode disparar foguetes e mudar entre caminhar no chão e andar de cabeça para baixo no teto. Outros mini games incluem um jogo de pinball no estilo de Breakout (que também está no Crash Purple). Há vários jogos em que você tem que apertar o botão A para arrancar um obstáculo do caminho e outros com um par de naves rolantes (um horizontal e um vertical), onde você precisa atirar em inimigos e desviar de obstáculos até chegar ao Portal final.

CONCLUSÃO

Embora o crossover de personagem usado aqui seja uma ideia interessante, os jogos são bastante Diferentes. Parte disso se deve ao fato de Spyro Orange ser mais fácil para iniciantes e Crash Purple ser melhor para jogadores experientes. Se você está interessado em ver como o crossover ficou, ambos os jogos valem a pena!

 

Versus Podcast © 2017